BIRD BOX – A Caixa de Pássaros

BIRD BOX – A Caixa de Pássaros

Assim como as grandes tramas adaptadas de Hollywood, a Netflix começa a aparelhar e desenvolver suas grandes produções. Não foi preciso levar muito tempo para chegar ao seu merecido lugar, pois depois de muito penar com a criação de filmes e séries, chegou a era das adaptações. Tal fato decorre da necessidade de conteúdo, com o objetivo de despertar nos expectadores uma febre de fidelização.

bird-box-caixa-de-passaros-OESTILO3

O filme BIRD BOX nasceu de um dos maiores bestsellers já visto em livrarias. Assim como muitos deles que não chegaram às telonas, ele se diferencia pela verdadeira divulgação e promoção do seu conteúdo audiovisual, aproveitando, é claro, o sucesso existente do livro.

Um dos grandes apelos do filme é notado na escolha dos atores. Grandes nomes do cinema hollywoodiano tomam conta da produção, como, por exemplo, a atriz Sandra Bullock e o ator John Malkovich. Embora com características “trash”, os efeitos especiais são responsáveis por todo o suspense e medo nos expectadores.

Assim como na trama do livro, nota-se um certo cuidado do roteirista nas transições fílmicas, levando o expectador à digerir as informações apresentadas de forma simples, mas com cenas totalmente descartadas em certos trechos. A construção da trama no filme desperta no início uma certa confusão no telespectador, fato proposital que nos ajuda a entender o porque de certos acontecimentos durante o filme. A originalidade vem sendo muito criticada, pois em decorrência de produções similares, ouve uma forte onda de críticas na internet.

bird-box-caixa-de-passaros-OESTILO6

O figurino é um dos maiores pontos positivos, algo muito parecido com o descrito em seu enredo literário. Suas descrições e riquezas de detalhes se completam na perfeição da trama, sendo considerado como um forte tempero para o prato principal.

BIRD BOX é somente uma demonstração do caos existente em cada um de nós, seres humanos.

(Vídeo: Reprodução / YouTube Melhores Trailers de Filmes)

 

(Fotos: Reprodução / Internet / Google / Saeed Adyani / Netflix)